Homens e mulheres são os únicos seres que, social e historicamente, se tornam capazes de apreender. Por isso são os únicos em que aprender é uma aventura criadora, algo muito mais rico do que meramente repetir a lição dada. Aprender é construir, reconstruir, constatar para mudar, o que não se faz sem abertura ao risco e à aventura do espírito.

 

É um meio de expressão para os processos de transformação da pessoa, através de dinâmicas realizadas nas oficinas criativas em que o “fazer artístico” é reconhecido como possibilidade terapêutica, condutor de novas aprendizagens e desenvolvimento do potencial criativo.

 

No curso de artesanato é ensinado a confecção e pintura em cabaça, découpage com guardanapos e tecido, pintura country, biscuit, gesso, arte francesa, mosaico, patchwork invertido.

 

Veja também: